Notícias

19 de julho de 2018 às 12:21h

Sindicer/PI e Conselho de Arquitetura discutem sobre edificações

O objetivo do CAU/PI, ao propor a reunião, é combater a entrada desenfreada de construções

Representantes do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Piauí se reuniram com membros do Sindicato da Indústria de Cerâmica para Construção do Estado do Piauí, na noite de terça-feira (16), para tratar sobre estratégias para desenvolver edificações sustentáveis e com conforto ambiental no Piauí. O objetivo do CAU/PI, ao propor a reunião, é combater a entrada desenfreada de construções, principalmente moradias populares, com placas de concreto. De acordo com o presidente do CAU/PI, Wellington Camarço, há informações de que o governo federal, através da Caixa e do Ministério das Cidades, pretende incentivar a construção de moradias populares com a tecnologia da placa de concreto. No encontro, os presentes alertaram que esta técnica pode ser utilizada em outros estados, mas no Piauí, ela não deve ser implantada sob pena de prejudicar a qualidade de vida das famílias que vão residir nos imóveis construídos com o material. “Esta reunião serve para discutirmos tecnologias de construção eficazes. É papel do Conselho estar atento ao que ocorre no setor e atualmente, os exemplares de casas construídas com placas de concreto não devem ser reproduzidos, uma vez que eles contribuem para deixar a temperatura interna mais alta, ao passo que no Piauí, já sofremos com altas temperaturas”, argumenta Camarço. O CAU/PI pretende se reunir com outros segmentos interessados no assunto e promover uma discussão aprofundada sobre o tema, uma vez que a população é a mais interessada no debate. Também participaram da reunião pelo CAU/PI, os conselheiros Anderson Mourão e Ranieri Pierott.

Comentários